Amsterdã: o que você precisa saber antes de ir?

Passar um tempo fora de casa requer uma série de cuidados, principalmente quando o destino é internacional. Por isso, a KLM ajuda os viajantes que vão visitar um destino específico e muito querido pela companhia): Amsterdã, na Holanda, com quase 800 mil habitantes e uma população que adora passear de bicicleta.

Se você também gosta de pedalar, e prefere temperaturas mais amenas, a dica é ir entre os meses de abril e setembro, quando o dia costuma se esticar até as 22h, momento em que começa a anoitecer. Por ser alta temporada, é comum ter muitas pessoas na rua, além de atrações turísticas disputadas.

fotosefotos.com

Mas, é claro que isso não é problema quando queremos, no passaporte, esse carimbo tão especial da terra das tulipas, não é mesmo? Afinal, Amsterdã é uma cidade muito cosmopolita e com divertimento para todos os gostos. A seguir, veja, resolvidas, as principais dúvidas em relação a três itens que geram bastante curiosidade e questionamentos: passaporte e visto, aeroporto de Schiphol e o I Amsterdam Card, seu melhor amigo por lá. Confira!

Visto e passaporte

Os brasileiros não precisam de visto para ficar na Holanda (e em toda a Europa) por até 3 meses na condição de turista, porém, é preciso ter um passaporte com validade de pelo menos 3 meses após a data de chegada no país. Quem pretende estudar, trabalhar ou estender a permanência por motivos pessoais precisa garantir um visto.

No controle de imigração, leve seus comprovantes de recursos financeiros para o tempo que for permanecer no país, comprovante de hospedagem, seguro de viagem com valor mínimo de 30.000 euros e passagem de volta. É melhor sobrar do que faltar!

Maiores de 14 anos devem, sempre, portar um documento de identificação. Seu passaporte é seu documento lá fora. E, quanto mais carimbo, além de te encher de orgulho ao mostrá-lo, pode facilitar sua vida, pois os agentes de imigração conseguem ter a comprovação rápida que vários outros países já te receberam. ;)

Aeroporto de Schiphol

O aeroporto no de Schiphol, em Amsterdã, é o quarto maior da Europa e, também, o hub da KLM.  Para os brasileiros, é um portão de entrada para o mundo, já que é um importante centro de conexões, além de ser um dos mais modernos.

O Schiphol tem um terminal único com três alas de partida e quatro de chegada que estão conectadas ao Schiphol Plaza. Lá, o turista encontra um balcão de informações, agência bancária, escritório da companhia ferroviária NS, guarda-volumes, lojas, lanchonetes, bares, cafés e livrarias. Se tiver dificuldades com o idioma local (vamos combinar que o holandês não é tão simples assim, né?), não tem problema. As placas de sinalização estão, também, em inglês. Quem viaja a trabalho vai encontrar uma estrutura com agências de correios, telefones, fax e Wi-Fi que permite acesso à internet em todas as áreas de Schiphol.

A KLM opera voos diretos para Amsterdã, chegando em Schipol, com partidas de São Paulo e Rio de Janeiro. O tempo estimado de viagem é de 11h40. Passageiros de outras cidades podem contar com o apoio da companhia parceira local, GOL, para realizar a conexão em SP ou RJ com destino a Amsterdã e, de lá, para o mundo!

I Amsterdam Card

O I Amsterdam Card é um cartão de benefícios essencial para quem visita Amsterdã. Ele oferece acesso gratuito aos meios de transporte, um passeio de barco pelos canais e entrada nos principais museus como o Van Gogh Museum, além de descontos em atrações turísticas e aluguel de bicicletas. E, como todo mundo sabe, o principal meio de transporte por lá é a bicicleta. É um passeio turístico que não dá para não fazer! Sem contar que é a melhor forma de conhecer a cidade e ter uma percepção diferente dela.

Ficou animado com as dicas? Entre no site da KLM e garanta já suas passagens. Vale lembrar que, se você estiver viajando para algum outro destino com a companhia aérea holandesa, pode incluir um stop over, ou seja, uma parada programada grátis, de um ou mais dias, na ida e/ou na volta, em Amsterdã.

O portal oferece todo o tipo de informações para sua viagem (seja no planejamento ou sobre os voos) e facilidades de pagamento, como a opção de realizar transferência bancária, pagar com cartão de crédito ou boleto. Os bilhetes podem ser parcelados em até 4x sem juros, sem taxa de emissão. Se houver dúvidas, o atendimento ao cliente está preparado para esclarecer qualquer tipo de dúvida durante a navegação.

Foto: Reprodução

Vamos para Amsterdã?

Compartilhar

Sobre Rubia Rocha

Rubia Rocha, publicitária, designer e apaixonada por artesanato, estava decidida a produzir o seu próprio casamento na intenção de encontrar alternativas criativas para subir ao altar. Para se organizar melhor, começou a arquivar as melhores inspirações e ideias no Blog do casamento, que hoje é referência no assunto.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado Os campos obrigatórios estão marcados com *