Quase nada para ser feliz (casamento econômico #18)

Se você acompanha o blog do casamento, já deve ter visto por aqui, um post sobre como economizar no casamento em tempos de crise.
Uma das dicas da matéria é reduzir a lista de convidados, pois mais vale um mini wedding inesquecível na memória do que casamento algum.

A inspiração “quasenadaparaserfeliz” de hoje não é de um casamento propriamente dito. É uma espécie de editorial feito na Indonésia, mas que pode perfeitamente ser interpretado como um mini wedding maravilhoso, elegante e super restrito aos convidados mais importantes da sua família.

Com uma lista restrita, a economia é certa e com isso dá para caprichar mais em determinados contratos, incluindo aí o local da cerimônia que pode ser um Resort,  por exemplo.

 quase_nada_casamento_economico18_2 quase_nada_casamento_economico18_3 quase_nada_casamento_economico18_4 quase_nada_casamento_economico18_5 quase_nada_casamento_economico18_6 quase_nada_casamento_economico18_7 quase_nada_casamento_economico18_8 quase_nada_casamento_economico18_9 quase_nada_casamento_economico18_10 quase_nada_casamento_economico18_11 quase_nada_casamento_economico18_12 quase_nada_casamento_economico18_13 quase_nada_casamento_economico18_14 quase_nada_casamento_economico18_15 quase_nada_casamento_economico18_16 quase_nada_casamento_economico18_17 quase_nada_casamento_economico18_18 quase_nada_casamento_economico18_19 quase_nada_casamento_economico18_20 quase_nada_casamento_economico18_21 quase_nada_casamento_economico18_22
Fotos:
Audra Wrisley | Quase nada para ser feliz (casamento econômico #18)

 

 

 

Veja também

Compartilhar

Sobre Rubia Rocha

Rubia Rocha, publicitária, designer e apaixonada por artesanato, estava decidida a produzir o seu próprio casamento na intenção de encontrar alternativas criativas para subir ao altar. Para se organizar melhor, começou a arquivar as melhores inspirações e ideias no Blog do casamento, que hoje é referência no assunto.



2 comments on “Quase nada para ser feliz (casamento econômico #18)

  1. Amanda Sabino
    5 de fevereiro de 2016 at 19:57

    Onde fica esse lugar?

    • Rubia Rocha
      25 de fevereiro de 2016 at 21:07

      Amanda, é um editorial feito na Indonésia.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado Os campos obrigatórios estão marcados com *