5 vantagens para fazer o chá de fraldas

Lá pelo sexto mês de gestação, é hora de começar a mexer os pauzinhos e planejar o chá de bebê ou o chá de fraldas. Vale lembrar que no chá de bebê as convidadas escolhem itens do enxoval para presentear o criança (mantinhas, roupinhas, utensílios), já no chá de fraldas o bebê ganhar o que? Fraldas! Essa é a única diferença.

O 6° mês é o período é ideal porque a gestante ainda não está cansada, indisposta e com todas aquelas dificuldades que temos quando estamos com um barrigão. Pra ser bem sincera, quanto mais tarde deixamos para fazer o chá, maior é a preguiça e a indisposição. Por isso, se você faz questão de celebrar a chegada do seu pequeno(a), melhor começar enquanto você tem pique ;)

Então fica a dica: comece a planejar no 6° mês e não deixe passar do 8° mês. Já na gestação gemelar ou de múltiplos, o chá deve ser realizado no 6° mês de gestação.

No post de hoje vou listar as vantagens de optar pelo chá de fraldas.

1 – Economia

Bem sabemos que as fraldas ganhadas no chá serão usadas e um bebê usa muitas até o desfralde. Por isso o chá de fraldas é um adianto para os pais que querem ter uma reserva de fraldas sem se preocupar em comprar nos primeiros meses.

Dica: se você pretende usar fraldas reutilizáveis, vale pedir para cada convidada colaborar levando uma.

2 – Você não corre o risco de ganhar muitas coisas que não serão usadas

Essa é uma dica quase unânime entre as mães atuais. A lista do chá de bebê pode conter itens que sequer serão usados ou úteis para o bebê. Por isso, se você é uma gestante pragmática, o chá de fraldas acaba sendo mais garantido.

3 – Os pais podem escolher o enxoval

Vamos combinar que planejar o quartinho e montar o enxoval do bebê é uma delícia. Logo é natural que alguns casais queiram escolher todos os detalhes de acordo com o seu gosto e dentro do tema do quartinho. Com isso optar pelo chá de fraldas é uma boa alternativa para quem quer ter controle sobre todos os detalhes do enxoval.

4 – Fralda é fácil de encontrar e comprar

Temos que considerar que nem todos os convidados do chá de bebê tem filhos e experiência com itens infantis, por isso no chá de fraldas, basta indicar o tamanho e/ou a marca que você deseja ganhar e pluf* o convidado pode encontrar o que você pediu no mercado ou na farmácia sem dificuldade.

5 – Você não corre o risco de não gostar do presente

Se você tem medo de ganhar presentinhos de pessoas com gosto duvidoso, o chá de fraldas também pode ser um alívio. As fraldas não serão uma surpresa e de quebra serão muito bem utilizadas pelo seu bebê.

Devo indicar a marca e o tamanho?

Isso varia muito de mãe para mãe. Eu por exemplo não exigi marca, mas indiquei o tamanho M e G que são mais utilizadas (em quantidade). No meu raciocínio achei melhor ter mais variedade de fraldas para poder testar as marcas e tirar as minhas próprias conclusões.

Mesmo indicando os tamanhos M e G, ganhei uma boa quantidade de fraldas P e algumas RN também, além de lencinhos umedecidos, pomadinhas para assaduras, sabonete líquido para banho e muitos presentinhos ♥ (Veja: Chá de bebê do Tom e Vi) 

Na dúvida peça sempre um help para aquela sua amiga que é mãe. Ela certamente poderá te ajudar a definir as marcas e tamanhos, com base na experiência dela ;)

 

Veja também

Compartilhar

Sobre Rubia Rocha

Rubia Rocha, publicitária, designer e apaixonada por artesanato, estava decidida a produzir o seu próprio casamento na intenção de encontrar alternativas criativas para subir ao altar. Para se organizar melhor, começou a arquivar as melhores inspirações e ideias no Blog do casamento, que hoje é referência no assunto.



Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado Os campos obrigatórios estão marcados com *