Convite de casamento – Dicas para não errar na escolha

Ok, os preparativos para a sua festa de casamento estão quase 100%, a recepção já está fechada, a decoração está meio caminho andado, e o vestido está passando por ajustes.

Faltam aproximadamente 4 meses para o seu grande dia, então você chegou na etapa da escolha do convite de casamento.

Confira as dicas que preparamos para você escolher o seu convite.

Tamanho do convite

Se o seu casamento for informal (fora da igreja), em chácara, praia ou locais alternativos, seu convite poderá ser menor e mais simples.

Essa história de que convite pequeno é sinônimo de pobreza é pura balela. Existem convites pequenos super charmosos e que podem combinar perfeitamente com o estilo da sua festa. Na verdade esse é o truque, escolher um modelo que seja a cara  dos noivos e da festa.

  • Para um casamento sem festa o convite também poderá ser menor e mais simples

Casamento Gabrila e Nikollas. Fotos Matheus de Castro / Convites: Boutique do Convite)

Leve em conta o estilo da festa

O Convite é uma pequena prévia (leia-se dica) para o seu convidado imaginar como será o seu casamento. De um convite formal, espera-se uma festa formal – ou seja, um convite grande (mas não imenso, ostentação está bem fora de moda) , com detalhes mais tradicionais, como relevo seco, iniciais em clichê dourado ou prateado.

convite_de_casamento_dicas3Convite no estilo clássico, grande e com relevo seco. Ideal para casamentos mais tradicionais (cerimônia religiosa)

De um convite divertido, colorido, espera-se uma cerimônia descontraída, informal. Aqui vale todo tipo de recurso para deixar seu convite mais fofinho. Vale ilustrações de noivinhos, bandeirinhas, corações,  frases como “vamos nos casar!!!” e coisas do gênero…

Crie uma identidade visual combinando os detalhes do casamento

O convite geralmente é o primeiro material gráfico produzido para o casamento. Depois dele vem os cardápios, legendas para buffet e doces, displays de mesa, site dos noivos, etc…

Aproveite as cores e o estilo da sua decoração de casamento para criar uma identidade também para o convite. Por exemplo: Se o seu casamento for no estilo clássico romântico e a decoração for marsala com tons de rosa, então seu convite poderá seguir a mesma linha de cores, com fontes mais desenhadas para combinar com o estilo.

Quando for hora de produzir a papelaria, siga a mesma linha de cores, fontes e elementos gráficos (monogramas, florais, arabescos).

Foto: Boutique do ConviteFoto: Tamara Menges
  • Escolha letras simples e mais legíveis para o texto. Não esqueça que os convidados mais velhinhos podem se atrapalhar um pouco com as informações, se a letra for muito confusa. Já o nome dos noivos pode ser uma em uma manuscrita bem desenhada se você preferir, afinal de contas, todo mundo saberá o nome de vocês, rsrsrs

Então a regra é a seguinte: Se a letra do nome dos noivos é manuscrita e bem rebuscada, então a fonte do texto deve ser mais limpa e mais simples, assim o texto ficará bem legível para os convidados mais velhinhos.


Escolha letras simples e mais legíveis para o texto. Não esqueça que os convidados mais velhinhos podem se atrapalhar um pouco com as informações, se a letra for muito confusa.

Quantidade certa

Encomende de 5 a 10% de convites extras, prevendo erros por parte do calígrafo. Se o seu convite tiver tag dos convidados (aquele papeizinho com o nome do convidado impresso e colocado no convite, você não precisará de muitos convites extras. Mesmo assim, acredite… Sempre haverá um convite de última hora para incluir na sua lista.

Preste atenção no que realmente importa

Revise a arte do seu convite com muito cuidado para garantir que todas as informações estejam corretas, pois a gráfica não se responsabilizará por erros no texto.

Existem muitos casais que se preocupam demais com o “detalhe do detalhe” e acabam deixando de revisar o que é mais importante: O texto do convite. Já vi convites que saíram com o nome dos pais e endereço incorreto porque os noivos focaram demais no que é secundário.

Published by Rubia Rocha

Rubia Rocha, publicitária, designer e apaixonada por artesanato, estava decidida a produzir o seu próprio casamento na intenção de encontrar alternativas criativas para subir ao altar. Para se organizar melhor, começou a arquivar as melhores inspirações e ideias no Blog do casamento, que hoje é referência no assunto.

One comment on “Convite de casamento – Dicas para não errar na escolha”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close Bitnami banner
Bitnami